NOSSA HISTÓRIA

brasil.jpgEm 1989, na Baixada Fluminense, surge nas reuniões da Pastoral do Negro, a idéia de se criar um pré – vestibular e, ao longo dos anos foi sendo trabalhada uma nova metodologia de ser aplicada nessa proposta. Foi organizado um grupo de jovens provenientes dos meios populares e eclesiais interessados na proposta, que começaram a levantar nomes de pessoas do movimento negro que pudessem assumir a função de professores, prestando esse serviço gratuitamente. Surgiu, nesse momento, a primeira dificuldades: o número de pessoas do movimento negro que tiveram a oportunidade de se formar nas universidades era muito pequeno. A opção foi, no início de 1993, recorrer a todos os setores da sociedade e, assim, conseguiram, meses depois, formar o primeiro quadro de professores voluntários.

Em Minas Gerais, o primeiro núcleo atendido com o Educafro foi criado na cidade de Passos, sul de Minas, em 1998, por meio de uma articulação das lideranças da Pastoral do Negro com a Sede Regional da Educafro em São Paulo, recebendo o nome de núcleo Dércio Andrade. Logo, em 2004, surgiram os núcleos Laudelina Campos Mello em Poços de Caldas, Iê em Campo Belo e Libertas em São João Del Rei.

Em 2005, surgiu o núcleo Trilhando Caminhos em Montes Claros, Usina dos Sonhos em Itaúna e no ano seguinte surgem os núcleos de Botelho, Sol em Pará de Minas e no segundo semestre de 2006, surge o núcleo Nova Pampulha em Ribeirão das Neves. Já em Belo Horizonte, o primeiro núcleo chamado de Águia, foi fundada 2003, no bairro São José, no ano seguinte surgiu o núcleo AVE(Prendendo, Vivendo e Ensinando) no bairro Suzana.

No ano de 2005, os Franciscanos da Ordem dos Frades Menores(OFM) de Minas, decidem apoiar o projeto, através da Casa de Santo Antônio montando um escritório que disponibilizasse telefone, computador, arquivo, dentre outros, criando uma estrutura mínima de coordenação a fim de fortalecer a presença da Educafro no Estado, de motivar a atuação e articulação dos núcleos levando em consideração as especificidades da realidade mineira.

Atualmente existem 11 (onze) núcleos da Educafro em atividade, sendo 8 (oito) na região metropolitana de Belo Horizonte e 4(quatro) no interior de Minas Gerais, sendo eles: Águia(São José/Belo Horizonte) Maria Magela (Funcionários/Belo Horizonte), Padre José Baldo (Milionários/Belo Horizonte), Paulo Freire(Céu Azul/Belo Horizonte), Nova Contagem(Contagem), Foca no Futuro (Betim), Ação e Ousadia (Ibirité), Sol Nascente(Ibirité), Dércio Andrade (Passos), Laudelina Campos de Melo (Poços e Caldas), Pedra Negra (Governador Valadares) e núcleo Atitude (Ipatinga).

Em todos os núcleos se procura, além das aulas convencionais, trabalhar a dimensão da cidadania, da formação da consciência crítica de todos os envolvidos, da participação, da solidariedade, do respeito à diversidade, enfim, o núcleo de pré-vestibular como espaço de atuação e de gestação de sonhos coletivos.

 

 
Educafro Minas - Centro Franciscano de Defesa de Direitos
Av. Amazonas, 314 - sala 310 - Centro
Belo Horizonte/MG - CEP - 30180-001
Tel: (31) 3271-3038
Província Santa Cruz
Praça São Francisco das Chagas, nº195 - Carlos Prates, Belo Horizonte/MG